24/12/2016 às 21h45min - Atualizada em 07/09/2018 às 12h32min

Sindicato reconhece que servidores ficaram "a ver navios"

Promessa não cumprida I. Décimo-terceiro salário de 30% do funcionalismo público que recebe mais de R$ 2.300 não foi creditado antes do Natal, conforme prometido pela administração municipal. Sem explicação da PMU, as redes sociais foram palco da indignação dos servidores.

Promessa não cumprida II. Servidores de carreira informaram que a última vez que o décimo-terceiro deixou de ser pago dentro do prazo legal foi no governo do Wagner do Nascimento, trinta anos atrás.

Sindicato. No começo da noite de sábado (24), após a confirmação de que os servidores não haviam recebido o pagamento do décimo-terceiro, o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Uberaba (SSPMU) enviou nota à imprensa. O presidente Luís Carlos Santos manifestou descontentamento com a administração e lamentou que os funcionários tenham que ser punidos pela crise financeira.

Cobrança tardia. Ainda que Luís Carlos tenha cobrado publicamente o governo e falado em “descrédito” diante das promessas não cumpridas, o SSPMU cobrou tarde. Para que o servidor não ficasse a “ver navios”, o sindicato deveria ter começado a desconfiar que o escalonamento não seria cumprido na sexta-feira (23). Sábado, horas antes da ceia natalina, apenas confirmou o descaso com que todos trataram a situação.

Pendências. Os olhos do povo estarão voltados para a última semana do ano. O prefeito Paulo Piau anunciou corte de metade dos cargos comissionados. Isso significa exoneração de mais de 300 funcionários. O Uberaba Popular está atento para ver se a promessa será cumprida e, sobretudo, mantida.

Pendências II.  Além das exonerações, o anúncio do secretariado também é aguardado com ansiedade pelos uberabenses.

Pendências III. Outra demanda importante para a última semana do primeiro mandato do prefeito Paulo Piau é o valor da passagem do transporte coletivo. A PMU fez as contas e disse que deve ficar em R$ 3,83, mas a pedida inicial das empresas chegou a R$ 4,08.

Comparativo. Em Uberlândia o usuário do transporte coletivo paga o mesmo valor praticado em Uberaba, R$ 3,50. Em Araxá é mais barato. A passagem custa R$ 2,95. Para utilizar o transporte público em Ribeirão Preto o custo é de R$ 3,80. Na capital mineira, Belo Horizonte, a passagem é R$ 3,70.

IPTU. Ainda que a Prefeitura de Uberaba tenha anunciado que o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) terá o primeiro vencimento em 20 de janeiro e estará acessível apenas digitalmente, é bom torcer para que o lançamento no site leve menos tempo que neste ano, quando a página ficou inacessível por mais de um mês.

Natal. Em nome de toda equipe do Uberaba Popular, quero desejar um Natal repleto de paz e saúde, em especial, aos uberabenses que estão acreditando no trabalho realizado pelo UP. Que Jesus abençoe o sonho de todos nós e ilumine os caminhos que nos levam aos nossos objetivos.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://uberabapopular.com.br/.
Plantão
Atendimento
Envie a sua sugestão de notícia pelo PLANTÂO.