17/11/2016 às 13h06min - Atualizada em 17/11/2016 às 13h06min

Praça Jorge Frange recebe loja para moradores de rua

fb_img_1479398187653

fb_img_1479398187653

Pelo segundo ano consecutivo, alunos de Medicina da Uniube levam à praça Jorge Frange, neste sábado, o projeto The Street Store, voltado para moradores de rua.

Segundo Juan Tomás Gabriel de Souza Ramos, estudante do décimo período de medicina e um dos organizadores do evento, a ação foi inspirada em um trabalho que surgiu na África do Sul em 2014, na cidade do Cabo. “Lá eles têm uma loja itinerante que percorre pontos mais críticos da cidade. Aqui não. Resolvemos  ficar num ponto fixo, das 7h às 14h. E as pessoas terão a oportunidade, nestas oito horas, de escolher roupas, sapatos e acessórios na loja a céu aberto.  Nós temos atendentes treinados onde eles são orientados para receber todo mundo. No local tudo é gratuito, mas existe uma quantidade limitada de peças que a pessoa poderá pegar. Toda ação está voltada para pessoas carentes e as pessoas em situação de rua. A gente quer oferecer a eles muito mais que solidariedade. Queremos dar a eles autoestima".

fb_img_1479398179812

fb_img_1479398179812

As doações já estão encerradas. Agora, o grupo faz o processo de triagem e  preparação das peças para que tudo esteja pronto para  sábado.

Este trabalho é uma homenagem ao estudante de medicina da Uniube, Igor Lombardi Penhalver,  morto  em 2014. Desde então, um grupo de alunos intitulado   “Amigos do Igor” criaram o projeto de extensão, com apoio dos professores.

A loja a céu aberto é um ponto de encontro para trocas de ideias, novas experiências e acima de tudo solidariedade. As doações são colocadas à vista e ao alcance dos próprios moradores que escolhem o que precisam e querem, como se estivessem em uma loja mesmo.

fb_img_1479398225553

fb_img_1479398225553

A ideia é trazer um pouco de dignidade ao possibilitar que eles escolham suas próprias roupas, calçados e acessórios. Além das doações, os organizadores do evento oferecem almoço, corte de cabelo, maquiagem, aferição de pressão, coleta de glicemia e música ao vivo. No ano passado foram atendidas 400 pessoas e recepcionados 11 mil peças doadas ao projeto.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://uberabapopular.com.br/.
Plantão
Atendimento
Envie a sua sugestão de notícia pelo PLANTÂO.