12/11/2016 às 20h41min - Atualizada em 12/11/2016 às 20h41min

Simulador veicular já é utilizado em Uberaba

Depois de muitos adiamentos e mudanças, os simuladores serão obrigatórios a partir de 1° de janeiro em todo país.

Dez estados já usam o simulador. O sistema operacional é como o de um carro comum. Em Uberaba, a determinação não mudou a rotina nas autoescolas. Na cidade, desde janeiro, o uso do equipamento está sendo colocado em prática.

[caption id="attachment_3971" align="alignleft" width="162"]
whatsapp-image-2016-11-11-at-11-28-30

whatsapp-image-2016-11-11-at-11-28-30

Marcelo Aparecido Lima[/caption]

Segundo o diretor do Sindicato dos Centros de Formação de Condutores de Minas Gerais, Marcelo Aparecido Lima, uma portaria do DENATRAN de 2013, tornou obrigatório o uso do equipamento, mas, em seguida, o órgão recuou e a obrigatoriedade passou a ser facultativa. Ano passado, nova determinação reforçou a obrigatoriedade do uso do simulador.

De acordo com Lima, Uberaba foi umas primeiras cidades a cumprir a lei. Atualmente, das 24 empresas que atuam aqui, 20 estão utilizando o aparelho de forma compartilhada, no Centro de Legislação As demais, fizeram um contrato de comodato e estão alugando o equipamento.

A crise econômica afetou o número de matrículas para retirar a Carteira de Habilitação, revela Marcelo. Dois, dos quatro simuladores compartilhados no Centro estão parados. “A crise afetou diretamente essa procura, mas, temos capacidade de atender a todos, pois nos preparamos para prestar o serviço. Por enquanto, não há previsão de aumento imediato do valor cobrado pelas aulas. Mas, a partir de janeiro, com as cobranças das taxas em todo estado, não teremos como fugir dos reajustes”.

Para fazer as aulas no simulador, o aluno tem que ter realizado os exames exigidos pelo DETRAN e as aulas práticas e teóricas.

Gabriela Santana é uma das instrutoras do Centro e diz que o equipamento foi uma conquista importante para o bom desempenho do seu trabalho. “O simulador é o software muito avançado que ajuda no processo de aprendizagem do aluno. Com o simulador é possível passar os fundamentos básicos da direção, para fazer uma parada e uma saída da forma correta. Ele auxilia muito no psicológico do aluno. Ajuda a reduzir a ansiedade, porque muitos alunos não tem o traquejo necessário para dirigir e o simulador vem acrescentar no aprendizado deste aluno. O Brasil ficou muito próximo do sistema de direção da Inglaterra e a Austrália, países com sistemas muito evoluídos. Ainda há alguma resistência com o equipamento, mas, é uma coisa normal. Com profissionalismo é possível romper isso”.

Para o estudante, Rodrigo Soares Maia o simulador é importante para o futuro motorista aprender corretamente as regras de direção. Ele terminou as aulas práticas e teóricas e está fazendo a quarta aula no simulador. “O sistema ajuda a ter uma noção boa de como dirigir. Ajuda a tirar os vícios, principalmente, daqueles motoristas que dirigem há muito tempo e acabam errando, por excesso de confiança ou por falta de conhecimento correto das regras de direção”.

Quanto à importância do uso do simulador na formação do motorista, há quem não veja relevância nem para o aluno nem para a autoescola. Essa é a opinião do diretor da autoescola Medalha Milagrosa, Edésio da Grava Oliveira. “O uso do equipamento é uma imposição que devemos seguir e não tem muito o que fazer. Nós investimos R$ 42 mil para ter o equipamento e temos um gasto mensal de mil e oitocentos reais. Infelizmente, temos que seguir as normas porque o equipamento nada mais é do que um vídeo game e não altera em quase nada a rotina para o aluno e não tem retorno financeiro para os centros de formação. No momento, estamos enfrentando uma queda no número de alunos, provocada pela crise atual do país, e também por causa da lei da toxicologia que atinge os motoristas de veículos grandes, como carretas e caminhões. Mas, espero que até o fim do ano a situação tenha melhorado.

A fiscalização do uso do simulador é obrigatoriedade do DETRAN as autoescolas que não se adequarem podem o credenciamento.

Em Uberaba, o   Centro Avançado em Legislação de Trânsito, está localizado na   Av. Leopoldino de Oliveira 4477, no Mercês. Os telefones   para   outras informações são: (34) 3338-5314 ou 3314-8310.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://uberabapopular.com.br/.
Plantão
Atendimento
Envie a sua sugestão de notícia pelo PLANTÂO.