09/11/2016 às 18h54min - Atualizada em 09/11/2016 às 18h54min

Servidores da Receita Estadual paralisam serviços em Uberaba

Cerca de 80 auditores, gestores e técnicos da Receita Estadual de Uberaba fizeram uma manifestação nesta quarta-feira (9), na sede do órgão, na Vila Olímpica.

O grupo reclama de atrasos salariais e a distorção salarial dentro da carreira.

De acordo com a auditora fiscal  e  representante do Sindicato dos Auditores Fiscais de Minas Gerais  - Sindfisco – MG,  Milena Sousa Moreira, a categoria vêm sofrendo limitações para desempenhar o trabalho na região. “Faz 11 anos que não tem concurso para auditor fiscal em Minas e com o corpo fiscal reduzido, a qualidade do atendimento é prejudicado”, explicou.

O gestor fazendário Ivo Pereira de Souza reclama da falta de diálogo com o governo do Estado. “Temos uma política remuneratória no Estado, uma lei que define que anualmente, no mês de outubro, há uma data base de reajuste e isso não vem sido cumprido nos últimos três anos, aliado a isso tema perda salarial e distorção de carreira”, finalizou.

Segundo os sindicatos que representam os servidores houve 98% de adesão à paralisação.

Durante o dia o atendimento ocorreu de forma restrita ao recebimento de documentos.

A categoria também reclama do número de servidores. Atualmente são cerca de 180 atuando na regional que compreende além de Uberaba, os municípios de Araxá, Iturama, Frutal, Conceição das Alagoas, Sacramento e Ibiá. O último concurso público realizado para preenchimento de vagas foi feito em 2007.

Caso não haja abertura de negociação com o Governo do Estado, os manifestantes pretendem estender a paralisação por tempo indeterminado.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://uberabapopular.com.br/.
Plantão
Atendimento
Envie a sua sugestão de notícia pelo PLANTÂO.