07/11/2016 às 12h17min - Atualizada em 07/11/2016 às 12h17min

Buracos causam transtornos para motociclistas e comerciantes da Meimei

Uma das principais vias de acesso aos bairros Jardim Manhattan, Esplanada e São José, a avenida Meimei está em situação precária.

Os motoristas que saem da avenida Nossa Senhora do Desterro pegam o primeiro quarteirão da Meimei com o asfalto parecendo queijo suíço. As crateras estão cada vez mais profundas e as chuvas dos últimos dias agravaram a situação. A via também tem a circulação de ônibus do transporte coletivo e caminhões de grande porte. A avenida tem tráfego intenso de veículos e está sem manutenção da massa asfáltica.

[caption id="attachment_3744" align="alignleft" width="180"]
Renato tenta ajudar pedestres e motoristas sinalizando os buracos

Renato tenta ajudar pedestres e motoristas sinalizando os buracos

Renato tenta ajudar pedestres e motoristas sinalizando os buracos[/caption]

Enquanto o serviço não chega, o negócio é improvisar. Em um dos buracos foi feita uma sinalização para evitar acidente. O comerciante Renato Souza Ribeiro da Fonseca, de 23 anos, conta que tentou tapar o buraco e colocou um plástico para avisar os motociclistas. Mas não teve muito êxito porque que a última chuva derrubou a sinalização.

“Aqui está bastante precário, só na porta do meu bar tem quatro buracos. Os carros passam correndo e molham os clientes. Dependendo do motoqueiro, se passar distraído ele chega a cair, porque os buracos são fundos e a visibilidade aqui é pouca. A gente está pedindo um apoio para dar uma melhorada, não só para atender meu comércio, mas também para os pedestres que também são molhados pelos carros. O pessoal paga imposto e não está sendo reconhecido. A gente não entrou em contato com ninguém, mas o pessoal da prefeitura passa aí, olha e não toma providência”, reclama.

[caption id="attachment_3740" align="alignright" width="180"]
whatsapp-image-2016-11-07-at-09-31-43

whatsapp-image-2016-11-07-at-09-31-43

Cássio conta que já teve prejuízos com a moto[/caption]

Cassiano Silva Cândido é motociclista e apesar de não morar no bairro utiliza a avenida para se deslocar para o trabalho e visitar a namorada. “A situação aqui está muito complicada, quando chove a gente não tem visibilidade dos buracos e fica muito perigoso. Eu já tive prejuízo. Tive que trocar o pneu da moto depois de cair em um buraco.”

Em nota, a Prefeitura informa que encaminhou as reclamações ao setor responsável. “A demanda foi encaminhada à Secretaria de Serviços Urbanos e dado encaminhamento ao setor responsável para que seja inserido na programação de serviço diário. Vale ressaltar que neste período de chuvas a demanda de solicitações aumenta significativamente, mas a Sesurb tenta atender a toda a cidade, adequando aos períodos de estiagem”.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://uberabapopular.com.br/.
Plantão
Atendimento
Envie a sua sugestão de notícia pelo PLANTÂO.