09/10/2016 às 09h41min - Atualizada em 09/10/2016 às 09h41min

Seletiva para competição nacional movimenta a Batalha do Calçadão

Durante todo o dia, o Calçadão de Uberaba é palco de batalhas. Inúmeras pessoas batalham alguns trocados vendendo os mais variados produtos, das mais variadas formas. Através das palavras, tentam chamar a atenção quem por ali passa, a comprar o que estão oferecendo. E é também através das palavras, que diversos MCs, tentam convencer a platéia, superar o inimigo e vencer a batalha de rimas. A intimidade com as palavras, a rapidez do pensamento e a língua afiada são fundamentos valorizados nesses embates. Existem dois tipos de batalha de rap: a do conhecimento e a de sangue. Na primeira, os MCs têm que desenvolver as rimas a partir de temas que podem ser pré-estabelecidos pelos organizadores ou escolhidos pela plateia no momento do evento. Já na batalha de sangue, os MCs devem atacar verbalmente o seu adversário. Ambas são batalhas de pura improvisação.

Batalha do Calçadão

Há cinco anos movimentando a cultura hip hop em Uberaba, a Batalha do Calçadão, idealizada e organizada pelo MC Toi e o DJ Nenê, teve início agosto de 2011, e ganhou maior projeção em 2014, com a parceria realizada entre a Fundação Cultural, na gestão da presidente Sumayra Oliveira, grande entusiasta da arte. Além da tradicional primeira sexta-feira do mês, no Calçadão, a Batalha acontece no último domingo, no Teatro Experimental de Uberaba e esporadicamente do CEU das Artes.

Seletiva

Uma rodinha de jovens discutia as últimas seletivas, não só da cidade, mas como de outras localidades. Estudioso e cantor de rap, Lucas Rafael Pereira, 18, foi um dos juízes da seletiva. Lucas acompanha a batalha desde o início e vez ou outra se arrisca nos duelos, mas, ultimamente, tem se dedicado a ouvir e estudar, rimas e o rap como um todo, abre aspas. MC Nandinho, 18, começou nas rimas a menos de um ano e já têm se destacado nas batalhas locais. Junto ao MC Fabão, tem um grupo de rap, o Primazia, que através das letras, leva mensagens de otimismo e, sobretudo, críticas sociais. “São mensagens inteligentes, colocadas de forma simples, para chegar à molecada”, afirma Nandinho.

Campeão

MC FRT foi o grande campeão da Seletiva e vai representar Uberaba e região na eliminatória mineira no dia 13 de novembro em Belo Horizonte. No terceiro round, Luís Fellipe de Freitas Oliveira, o MC FRT, levou a melhor na final contra o MC João Felipe.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://uberabapopular.com.br/.
Plantão
Atendimento
Envie a sua sugestão de notícia pelo PLANTÂO.