24/03/2021 às 09h57min - Atualizada em 24/03/2021 às 09h57min

Uberabense é reconhecido por marco urbano em Goiânia

Entre tantos trabalhos realizados pelo país, Raul Sbroia Filho é responsável por obra de monumento na sexta maior cidade do Brasil

Janaína Sudário

Olhar para uma obra arquitetônica emblemática, não somente pela beleza do projeto, mas que soluciona problemas tão conhecidos dos grandes centros urbanos, é motivo de orgulho para o engenheiro civil Raul Sbroia Filho.

Com quase 40 anos de profissão, o uberabense tem no currículo importantes trabalhos em todo o país. “Abri estradas no Brasil inteiro. Já fiz muita ponte na minha vida e isso para um profissional é o que realmente importa. Não a grandiosidade das obras, mas como cada uma delas alcança a sociedade”, comenta.

Formado pela Universidade de Uberaba em 1982, Raul deixou a sua terra natal dois anos após a graduação e ainda não voltou. O sonho de criança tinha se tornado realidade e o engenheiro registrou o seu nome em importantes obras de saneamento e infraestrutura no Rio de Janeiro, Cuiabá, Bahia, em diversos municípios de Goiás e em outros estados brasileiros.

Mas é ali, nos cruzamentos das avenidas 85 e D com a rua 87, entre os setores Marista, Oeste e Sul, em Goiânia, que Raul contempla um dos seus projetos mais significativos.

O Monumento da Praça Latif Sebba, popularmente conhecida como Praça do Ratinho, é composto por três prismas de 56 metros, com estrutura tubular de aço revestida por chapas metálicas, em formato piramidal, apontando para diferentes direções. Referência aos primórdios da urbanização, suas pontas estão direcionadas para Leste, Oeste e Sul, por onde se desenvolve a capital de Goiás. Com 12 refletores internos e 8 externos, a obra, inaugurada em 2007, fica ainda mais exuberante durante a noite, devido à luminosidade de uma combinação entre a luz e os efeitos das chapas perfuradas.

Considerado um dos cartões-postais de Goiânia, o marco nasceu do arquiteto local Marco Antônio Amaral e a obra foi toda coordenada pelo engenheiro uberabense. “É sim, muito bom ver que o monumento alcançou tanta visibilidade e relevância na paisagem cultural da cidade, principalmente, porque a obra foi um grande desafio, que demandou muita técnica e por se tratar de um projeto tão arrojado”, explica Raul.


Filho do comerciante Raul Sbroia, personagem bastante lembrado pelos moradores do bairro Abadia, Raul reconhece que Uberaba não comporta tantos profissionais, o que explica a construção da sua carreira em outros estados. “Uberaba é uma cidade com foco em universitários, mas que não oferece campo de trabalho para todos os formandos. Por isso tive que buscar oportunidades fora da minha cidade e que, pelo menos hoje, depois de ter fixado residência em Goiânia e viver bem aqui, fica difícil falar em um retorno”.

Dentre as maiores dificuldades enfrentadas ao longo da sua trajetória profissional está a ausência da família. Casado há 44 anos com Rosa Sbroia, Raul é pai da Daniela, Cristiane e Raul Neto e, por pelo menos 15 anos, ele precisou estar longe dos filhos e da esposa para construir pontes e estradas bem longe de casa. “Não posso falar que foi de todo ruim porque consegui dar uma boa formação aos três. É claro que a presença diária não pode ser sentida por mim e por eles, mas são caminhos pelos quais tantos profissionais passam e que, na maioria das vezes, não dá para ser diferente”, complementa.

Raul continua trabalhando em Goiânia, ao lada da esposa, da filha Daniela e da neta Maria Luiza, a quem dedica boa parte do seu tempo.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://uberabapopular.com.br/.
Plantão
Atendimento
Envie a sua sugestão de notícia pelo PLANTÂO.