11/12/2018 às 13h03min - Atualizada em 11/12/2018 às 13h08min

Mãe reclama de distribuição de vagas em escolas estaduais

Há cinco anos, a empregada doméstica, Élida Laudiane paga van para o filho Rafael, de 11 anos, ir para escola. Eles moram no bairro Elza Amuí, ao lado da Escola Estadual Irmão Afonso, mas Rafael estuda na Escola Estadual Fidélis Reis. A mãe nunca conseguiu a tão sonhada vaga para o filho perto de casa.

“Todo ano, coloco o nome dele na lista de espera, mas nunca consegui. Queria participar mais das atividades do meu filho na escola, mas por ser mais longe não consigo nem ir às reuniões. Sem contar que deixar de pagar R$ 150 da van ajudaria, já que cuido sozinha do meu filho”, conta Élida.

Com a Ficha de Opção do Aluno preenchida, a mãe acreditava que o filho, enfim, conquistaria a vaga na escola indicada, mas foi surpreendida pela transferência de Rafael para a escola Paulo José Derenusson que é ainda mais longe. Ele irá cursar o 6º ano do ensino fundamental.

“Para minha surpresa, ele chegou ontem com esse documento. Além de não conseguir a vaga, vão transferir o Rafael para uma escola ainda mais longe”.

Élida está preocupada com o reajuste do valor da mensalidade que ela paga pelo transporte escolar. “Não sei ainda de quanto será, mas vai subir e isso só está prejudicando a mim e ao meu filho”.

O Uberaba Popular entrou em contato com a Superintendência Regional de Ensino para tentar obter esclarecimentos sobre o mapeamento das vagas e se haveria condição de reverter a transferência de Rafael. Fomos informados que as duas únicas responsáveis por estes esclarecimentos, a superintendente e diretora pedagógica, estão viajando e só retornarão na sexta-feira (17).

Enquanto isso, Élida tem de 17 a 21 de dezembro para definir sobre a matrícula do filho. O calendário é estipulado pela própria Superintendência de Ensino.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://uberabapopular.com.br/.
Plantão
Atendimento
Envie a sua sugestão de notícia pelo PLANTÂO.