08/10/2018 às 11h25min - Atualizada em 08/10/2018 às 14h11min

Figurões do cenário político uberabense perdem espaço e não conseguem reeleição

Os deputados Adelmo Carneiro Leão (PT), Aelton Freitas (PR), Caio Narcio (PSDB), Antônio Lerin (PSB) e Tony Carlos (MDB) que representavam Uberaba na Câmara dos Deputados e Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), não conseguiram a reeleição e estão sem mandatos a partir de janeiro de 2019.

Depois de sete mandatos consecutivos, seis na ALMG, Adelmo Carneiro Leão (PT) somou 45.076 votos contra 57.921 conquistados em 2014. Adelmo votou contra o processo de impeachment de Dilma Rousseff, em 2016.

Aelton Freitas que em 2013 apareceu em vídeo, exibido pelo Fantástico, ensinando a comprar votos, foi aceito por 54.704 eleitores em todo o estado. Nas eleições de 2014, Freitas foi eleito com 91.103 votos.

Caio Nárcio, filho do ex-presidente do PSDB mineiro Nárcio Rodrigues, preso em 2016, na deflagração da Operação Aequalis que apurava supostos desvios de recursos públicos na construção da Cidade das Águas, na gestão de Antonio Anastasia (PSDB), conquistou 40.832 votos. Caio ficou famoso ao dedicar voto do impeachment à lição de honestidade recebida do pai. Em 2014, ele conquistou a cadeira na Câmara Federal com 101.040 votos.

Lerin e Tony Carlos, tiveram 21.719 e 26.249 votos respectivamente. Os dois votaram favoráveis, em junho de 2017, ao Projeto de Lei Nº 3.397/16 que previa  aumento de 2% na alíquota do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) dos combustíveis. Em 2014, Lerin chegou à Assembleia de Minas com 36.916 votos.

Tony Carlos exercia mandato na atual Legislatura, desde agosto deste ano, como suplente do ex-deputado Durval Ângelo (PT), que deixou a ALMG para assumir o cargo de conselheiro no Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCE-MG). Em 2014, o radialista somou 39.359 votos.

Novatos, Heli Andrade (PSL) teve votação expressiva e irá ocupar cargo no Legislativo com a confiança de 75.920 eleitores. Franco Cartafina (PHS) chega à Câmara dos Deputados Federal com a aprovação de 53.390 apoiadores.

Cartafina foi o vereador mais bem votado nas eleições municipais de 2016, com 4.893 votos. A cadeira na Câmara dos Vereadores será ocupada pelo suplente, Elias Divino da Silva (PHS), que conquistou 1.404 votos no último pleito.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://uberabapopular.com.br/.
Plantão
Atendimento
Envie a sua sugestão de notícia pelo PLANTÂO.