17/02/2017 às 20h53min - Atualizada em 17/02/2017 às 20h53min

Elevador não funciona e cadeirante sofre para entrar em ônibus coletivo

[caption id="attachment_8298" align="alignleft" width="300"]
Netinho é paratleta e depende do transporte coletivo para ir aos treinos[/caption]

Nesta semana, o jovem atleta Netinho Rocha, de 25 anos, passou apuros na hora de pegar o ônibus coletivo para voltar para casa. No Santa Maria, o jovem, que é cadeirante desde que nasceu, deu sinal para o motorista da Linha 111 – Circular 2 parar o veículo. Tudo seguia na normalidade até a hora de acionar a rampa para que o jovem pudesse subir com a cadeira de rodas. O elevador não funcionou e o motorista, juntamente com alguns passageiros que se solidarizaram com a situação, teve que subir o equipamento manualmente.

Já era tarde da noite quando Netinho parou no ponto para esperar o ônibus. Ele mora no Bairro Cartafina e a linha é uma das poucas que servia para ele. Segundo o atleta, essa não foi a primeira vez que enfrenta dificuldades na hora de utilizar o transporte coletivo.

“Eu sou atleta paralímpico e preciso dos ônibus todos os dias para ir treinar. Eu acho uma sacanagem ter acontecido isso. Não sou o único cadeirante da cidade, tenho vários colegas que também já reclamaram das rampas e não adiantou nada. Elas continuam do mesmo jeito”, explica Rocha.

Indignado com a situação pela qual teve que passar, o jovem resolveu gravar um vídeo e compartilhar em uma rede social. A publicação teve cerca de 500 visualizações em menos de uma semana.

Uberaba Popularentrou em contato com a Associação das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Uberaba (Transube) e com a empresa Líder Transportes, responsável pela linha, mas eles não se posicionaram sobre o assunto.

Netinho espera uma solução. “Se continuar desse jeito fica difícil para a gente que é cadeirante”, pontua.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://uberabapopular.com.br/.
Plantão
Atendimento
Envie a sua sugestão de notícia pelo PLANTÂO.