01/02/2017 às 18h31min - Atualizada em 01/02/2017 às 18h31min

Secretaria de trânsito mobilizada em orientar pais na volta às aulas

[caption id="attachment_7668" align="alignleft" width="300"]
Inicialmente, a ação será feita na porta das escolas com uma blitz educativa[/caption]

A volta às aulas vem aí e com elas um antigo problema no trânsito: a parada em fila dupla na porta das escolas. Por isso, a Secretaria de Defesa Social, Trânsito e Transportes realizará, de 6 a 24 de fevereiro, uma ação educativa de modo a orientar pais e mães nos locais de maior movimento.

O chefe de Educação no Trânsito, Hélio Reis, informa que estarão atuando com o Projeto Trânsito Seguro, que começou em 2016 e esse ano busca aperfeiçoamento. "A volta às aulas coincide com o período que começamos a desempenhar nossas funções dentro da secretaria. Por isso sempre queremos fazer cada vez mais e melhor para coibir infrações."

Nesse primeiro momento a ação será feita na porta das escolas com uma blitz educativa. Serão avaliadas questões como uso de cinto de segurança, uso do celular enquanto dirige, acomodação correta das crianças (que só devem ficar no banco da frente após os 10 anos e com o cinto) e o desembarque correto delas, que deve sempre ser feito do lado direito.

"A diferença esse ano será a presença de três agentes de trânsito que estarão conosco na parte educativa, podendo até mesmo autuar, caso necessário. Muitas dessas infrações, os motoristas sabem que são proibidas, pois aprenderam no momento que tiraram sua habilitação. Faremos valer as leis de trânsito para zelar pela segurança de todos".

Ainda segundo Reis, vale orientar também os pais que mandam seus filhos para escola nas vans escolares. "Verifiquem bem se o veículo de transporte está cadastrado pela Prefeitura, se o motorista usa o cinto, se ele pede para que os alunos coloquem o cinto e como ele está sendo transportado. Para os pais que vão levar os filhos, é importante orientar que estacionem em ruas das imediações para que o trânsito na porta da escola possa fluir".

Para o decorrer do ano, o chefe de Educação no Trânsito, ainda pretende fazer palestras e cursos para alunos para que eles possam levar essas informações para dentro de casa. "Eu acredito que os pais devem servir de exemplo para as crianças. O que adianta comprar a melhor pasta, os cadernos mais caros, os uniformes sempre novos se não usa cinto, fala ao celular enquanto dirige e para em fila dupla? Onde fica o bom exemplo?", questiona.

Hélio Reis informa também que será feito uma avaliação da sinalização, por parte de equipes da SESTTRAN, na porta de dezenas de escolas onde acontecem as infrações, visando minimizar a quantidade de ocorrências.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://uberabapopular.com.br/.
Plantão
Atendimento
Envie a sua sugestão de notícia pelo PLANTÂO.